Categorias Ação Social

DE PEITO ABERTO

Publicado em

Na comemoração de seus 30 anos de operação, em 2018, a RaeMP de Marcelo Ponzoni destacou a trajetória de 30 pessoas dotadas de “mentes diferentes”, assim como era a de Ronaldo Arthur Esperança, o Rae da sociedade.

Ronaldo se foi apenas dois anos depois, em um acidente automobilístico. A chama que ele acendeu na outra mente inquieta, porém, ficou. Entre outras mentes diferentes, uma das destacadas na comemoração foi Flavia Flores, fundadora do Instituto de Quimioterapia e Beleza, que inspirou a campanha social da agência este ano para celebrar o Outubro Rosa.

Com o conceito “Peite conosco essa causa” um vídeo incentiva o exame de toque frequentemente, não apenas em outubro. De uma forma leve e sensível, o filme faz referência às várias expressões que utilizam a palavra peito, como “amigo do peito, “de peito aberto”, “no peito e na raça”, entre outras.

A história de superação de Flavia Flores também voltou à tona. O Instituto Quimioterapia e Beleza nasceu de uma página do Facebook criada em outubro de 2012, após Flávia ter o diagnóstico, pesquisar sobre o assunto e perceber que não havia até então qualquer informação a esse respeito.

Depois de perder o emprego, o namorado e ver seus amigos se afastando cada vez mais, já que não sabiam como lidar com a situação, Flavia resolveu ir atrás das informações, buscando na internet diversas formas de amarrar lenços e pedindo a amigos maquiadores algumas dicas de “makes” para pacientes com câncer.

Com a hashtag #nadadetristeza, Flavia postava os vídeos da primeira quimioterapia, da queda do cabelo e de outras situações pelas quais ela passou. Hoje, o instituto não só oferece aulas de automaquiagem para pacientes com câncer, como também dá a elas uma nécessaire com maquiagem e ensaios fotográficos, além de viabilizar diversos projetos. O maior deles é o Banco de Lenços Flavia Flores, que arrecada lenços para doar a essas pacientes.