1
 
Categorias Anunciantes

QUANDO A PANDEMIA VIRAR LEMBRANÇA

Publicado em

Um Natal como deve ser, com a família reunida, alegre e podendo deixar os problemas para trás é o tema da campanha da Bradesco Seguros, criada pela Almap BBDO.

Focada nas redes sociais, a comunicação é composta de relatos reflexivos sobre a pandemia dez anos depois, em 2030, quando a Covid-19 for provavelmente apenas uma triste lembrança.

O primeiro dos três filmes de um minuto é estrelado por Julia, jovem filha de médicos. Ela guardou na memória a emoção do reencontro com os pais, um pouco antes do Natal, depois de meses separados pela pandemia.

“Nesse vídeo de estreia, procuramos retratar o cotidiano de muitas crianças filhas de profissionais de saúde que, por conta do trabalho dos pais na linha de frente do combate à Covid-19, foram obrigadas a se afastarem do convívio familiar, mas por um motivo extremamente nobre: salvar vidas”, diz Alexandre Nogueira, Diretor de Marketing do Grupo Bradesco Seguros.  

A outra história é a de Gabriel, que durante os dias de isolamento em casa passou a ficar mais tempo com a irmã mais nova, estreitando os laços de amizade e companheirismo com a pessoa que se tornou sua melhor amiga até hoje. Já Francisco, personagem que fecha a série, lembra que em 2020, quando tinha apenas 15 anos, o seu Natal foi marcado pela separação dos seus pais e a relação com a mãe, que já não era das melhores, acabou sendo agravada pela quarentena. Até que um dia, pouco antes de 25 de dezembro, ao ver a mãe chorando na sozinha na sala, os dois se abraçam e percebem que que tudo dará certo no final.  

“Preparamos uma mensagem de otimismo, contando histórias que, mesmo com dificuldades, tiveram um final feliz. Todas marcadas pelo aprendizado e pela superação”, diz Maysa Oliveira, Head de Atendimento da Almap BBDO.

“Durante este ano, nós nos perguntamos mais de uma vez como será que os nossos filhos vão se lembrar de tudo o que tem acontecido. Esta campanha é uma tentativa de resposta”, diz Daniel Oksenberg, diretor de criação da agência.

Direção criativa de Daniel Chagas Martins, Daniel Oksenberg, direção executiva de André Gola e Pernil e direção geral de Luiz Sanches.

Produção da O2 Filmes, com direção de Nando Olival, fotografia de Pedro Cardillo e produção executiva de Rafael Fortes.

Som da Cabaret, com composição de Guilherme Azem, também responsável pela produção com Mauro Kuschnir.

Aprovação de Alexandre Nogueira, Ana Claudia Frighetto, Carla Zavarize e Adriana Pacheco.