1
 
Categorias Festivais

SANTERIA ESTREIA COMO MELHOR DO BRASIL

Publicado em
Rafa: melhor diretor do Brasil

Em seu primeiro festival, a Santeria já foi eleita Produtora do Ano do Brasil. O título foi conquistado na edição online 2020 do El Ojo de Iberoamerica, na área de Prêmio por País. Da mesma forma, seu diretor de cena Rafael Damy conquistou o troféu de Realizador do Ano.

A produtora será lançada oficialmente na próxima semana, com uma série de novidades. Integrante do G8 Group, de Edgard Soares Filho, tem também como sócios Roger Garcia e Emerson Souza, do programa “Reclame”, e o diretor criativo Felipe Luchi, ex-CCO da Lew’Lara/TBWA, que deixou a agência em janeiro deste ano.

Na área por País do El Ojo, a Purple Cow foi eleita Agência Independente do Ano, enquanto Africa, Sergio Gordilho e Ambev repetiram premiação principal em nível de iberoamerica como Agência, Criativo e Anunciante do Ano.

Com 83 pontos, a Santeria também se classificou em segundo lugar no ranking geral de produtoras de Iberoamerica, atrás apenas da Primo, que marcou 291 com trabalhos na Argentina, Brasil, Espanha, Estados Unidos e México.

Rafael Damy é o primeiro diretor exclusivo contratado pela Santeria. Premiado inclusive com Leão em Cannes, é o coordenador do projeto “Olhares do Mundo”.

Seu primeiro Leão em Cannes veio com “True Colors”, criado pela Propeg, que conta a história de um homem trans comemorando seu primeiro Dia dos Pais. Ele dirigiu também, entre outros filmes, o “Let Her Run”, da Africa, sobre o vergonhoso teste de feminilidade dos Jogos Olímpicos, e o remake de “O primeiro sutiã” em versão trans.

Nesta edição do El Ojo, a Santeria e Rafael Damy conquistaram 4 Ouros, 3 Pratas e 4 Bronzes com “Let Her run”, em diversas categorias, além de uma Prata e dois Bronzes para “I Will Survive, da Propeg para o Grupo Gay da Bahia, na categoria Baixo Orçamento, e ainda finalistas nas categorias Covid-19 e Bem Público e Efeitos Colaterais.

Agência Independente

O título de Agência Independente do Ano para a Purple Cow foi concedido em razão de um troféu de Ouro em Rádio para o projeto “Narração Guia”, da Gol Linhas Aéreas.

A Gol promoveu a narração dos jogos do Florida Cup 2020, torneio de futebol que aconteceu em Orlando, nos Estados Unidos, entre os dias 15 e 19 de janeiro, do qual a companhia aérea é uma das patrocinadoras, para deficientes visuais.

Por meio da voz de Silvia Grecco, mãe palmeirense que ficou conhecida por narrar os jogos do time para o filho, Nickollas, que é cego e tem autismo, as narrações-guia foram transmitidas ao vivo pelo Facebook da Gol. Silvia narrou também a última partida do torneio, disputada entre Corinthians e Atlético Nacional de Medellín, especialmente para Dudu Braga, filho do cantor Roberto Carlos, que também é cego.

Coordenada pela agência Purple Cow, a ação envolveu também a cobertura do evento, gerando conteúdo no Instagram, Facebook e Twitter da Companhia aérea.