Categorias Ação Social

RUAS QUE FALAM TAMBÉM DANÇAM

Publicado em

Num dia de abril de uma São Paulo há algum tempo em quarentena, o produtor  Victor Ghiraldini, da Miolo Gráfica, observava a rua vazia pela janela do seu apartamento quando teve uma inspiração. A ideia era simples: pintar frases no asfalto, com mensagens positivas, para que as pessoas pudessem ler dos prédios, de dentro de suas casas.

Batizado “Ruas do Bem”, em seguida o movimento ganhou a companhia de Marcelo Nogueira, diretor de Criação da Almap BBDO, que assumiu a elaboração das mensagens.

Esse trabalho agora virou filme. O desafio do diretor Hugo OXE foi aceito e uma grande equipe deu vida e movimento às frases do “Ruas do Bem”.

“Ruas do Bem” se uniu a projetos sociais, como o “Feito Formiguinhas”, que distribui cestas básicas para pessoas em situação de vulnerabilidade por toda São Paulo e região metropolitana.

Bem diferente do que acontece na agência em que trabalha, Marcelo Nogueira recebeu de Victor um prazo de apenas duas horas para criar frases que seriam aplicadas nas ruas através de lonas de estencil durante a madrugada de 11 de abril, véspera de Páscoa, com mensagens de esperança e otimismo mesmo com a Covid19 ameaçando a data.

“Cada rua vazia é uma multidão contra o vírus” talvez tenha sido a frase que melhor significa o sentido do movimento, que no início estampou a hashtag  #fiqueemcasa”.

“Apesar do início conturbado, já que o grupo foi parar na delegacia na primeira noite e teve que explicar que a tinta usada é feita à base de água e, portanto, não danifica o patrimônio público, o projeto logo recebeu o apoio da Prefeitura de São Paulo e atraiu a atenção da mídia”, conta Marcelo.

E as frases foram ganhando força: “Quando passar esse aperto, quero um abraço apertado” e “fico em casa porque moro no coração de alguém”, se estenderam para “Seu sorriso continua lindo embaixo da máscara” e “minha máscara esconde a boca, mas revela o coração”, agora com a hashtag “#usemascara”.

A união com o “Feito Formiguinhas” proporcionou ao “Ruas do Bem” se aproximar do diretor de cinema Hugo OXE.

Numa das lives de seu projeto #Lives Pra Que Te Quero, Hugo, que também é músico, incentivou Victor e Marcelo a fazerem um clipe e dar movimento as frases pintadas em São Paulo.

“Essa poesia em movimento, foi concebida e realizada com a ajuda de muitas pessoas e o mesmo objetivo de tocar o coração de todos para aderirem as campanhas de doação”, explica o diretor.

Feito Formiguinhas”, por exemplo, já doou durante essa pandemia, mais de 122 toneladas de alimentos para 82 comunidades carentes de São Paulo.

O clipe é uma realização conjunta da Sweet Filmes, Boson Post, Mov Locadora e Jamute Áudio. Direção de Hugo OXE, composição de Bruno OXE e James Feeler.

Grupo de Dança: Black Onee, com consultoria artística de Victor Hugo Vitena e Figurino de Silvana Moura. DOP de Alexandre Vianna e Operação de Drones de Renato Passarelli

Produção de Daniel Oliver Simpson com produção executiva de Brunno Papa. Montagem de Marcus Vinicius Costa. Color Grading de Acaun Pastore.

Assistente de Direção Débora Baptistella Yazbek. 1º assistente de câmera Carlos Taparelli. 2º assistente de câmera Júlio Pelizer. Filmmaker: Eiji Kikuchi. Assistente de Filmmaker:  Lucas Garcia Cravo. Produtor: Rodrigo de Paula. Figurinista: Silvana Moura. Make: Ariadne e Panace Dinhani. Eletricista: Tiego Jesus. Ajudante: Tupaibas Catatau. Montagem de Phillip Bammer e Color Grading de Magno Carezia. Transporte Via Cine, motorista Antonio Carlos “Tonhão” da Silva.

Agradecimentos apoio de Elite Stock, Elitecam e Big Box.