Categorias Agências

SERPA E MADEIRA DEIXAM A ALMAP BBDO

Publicado em
Madeira e Serpa: a agência mais criativa

Criada em 1993 e durante seus 22 anos de vida transformada na agência brasileira mais premiada em festivais internacionais, a Almap BBDO anuncia a saída de seus sócios-fundadores Marcello Serpa e José Luiz Madeira. Há pouco mais de dois anos, como chairmen de uma das agências mais premiadas do mundo, ambos começaram a preparar sua sucessão entregando o comando das operações executivas para o criativo Luiz Sanches, Cintia Gonçalves e Rodrigo Andrade, que se tornaram sócios. “Sempre soubemos que esse dia chegaria. Felizmente, acreditamos no planejamento de sucessão e fomos capazes de nos preparar durante os últimos anos. Não há qualquer maneira de substituir o impacto e as contribuições que Marcello e José Luiz tiveram no mercado publicitário brasileiro e, em particular, na BBDO.

Cíntia, Andrade Sanches assumem o comando

A criatividade e liderança de ambos têm sido lendárias e deixarão uma marca nas próximas gerações de publicitários ao redor do mundo”, afirma Andrew Robertson, presidente e CEO da BBDO Worldwide. Serpa e Madeira iniciaram o projeto da nova Almap, comandado na época por Alex Periscinoto, ao lado de Alexandre Gama, hoje sócio, CEO e CCO da Neogama BBH. A Almap foi eleita Agência do Ano no Festival de Cannes por três vezes e, também por três anos, liderou o ranking do The Gunn Report como a mais premiada agência do mundo. Figurou no topo da lista do FIAP por sete vezes. Marcello Serpa também é o criativo latino-americano mais premiado do mundo.”Quando José Luiz e eu nos associamos à AlmapBBDO queríamos duas coisas: criar o melhor trabalho do mercado e continuar nos divertindo enquanto fazíamos isso. O fato de nossa agência ter alcançado o nível de sucesso que ela tem indica que chegamos lá. Ao mesmo tempo conseguimos atrair o melhor grupo de pessoas com que uma agência poderia sonhar. Agora temos certeza de que a equipe vai continuar com o mesmo padrão de criatividade”, diz Serpa. “Ao longo dos anos, aprendemos que realmente vale a pena pensar antes de fazer. Você pode verificar isso na qualidade do nosso trabalho. Nós também aprendemos que o timing pode ser a chave para o sucesso e isso inclui saber quando é o momento certo para passar o bastão”, completa Madeira.