Categorias Produtoras

FAROFA FILMES ABRE SEDE PAULISTA

Publicado em
Rossetto, Lucia, Michele e Beck

Em comemoração aos 10 anos de operação, a gaúcha Farofa Filmes anuncia sua chegada a São Paulo com escritório na avenida Paulista. Sociedade entre Álvaro Beck, Michele Ruaro e Jasser Rossetto, a produtora, que nasceu em Porto Alegre, nessa década consolidou seu trabalho junto a agências e anunciantes tanto do mercado gaúcho como do Rio de Janeiro e de São Paulo. A base paulistana terá o comando da profissional de Atendimento Lúcia Merten. Formada em Publicidade e Propaganda, ela iniciou carreira em 2001, na área de Atendimento atuando em produtoras, agências e anunciantes, adquirindo uma visão mais abrangente do mercado. Trabalhou para Olympus Brasil, Fnac Brasil, Natura, Johnson & Johnson e Schincariol, entre outros. Em seus dez anos de história a Farofa tem como principal característica o fato de operar como um atelier de produção  no estilo handmade, que tem a publicidade como foco. Nesse período, conquistou vários prêmios nacionais e internacionais, sendo a primeira produtora gaúcha a ganhar um Leão no Festival de Cannes na categoria Film, em 2006, com “Pássaro”, criado pela Fischer América (atual Fischer & Friends) para Neosaldina. Também foi premiada no El Ojo de Iberoamérica e em 2010 foi eleita Produtora do Ano na Etapa Sul do Prêmio Colunistas.

 

on FAROFA FILMES ABRE SEDE PAULISTA
Categorias Produtoras

ALBIÑANA FILMES CHEGA AO BRASIL

Publicado em
Paola e Vanessa: de volta ao País

Produtora espanhola com sedes em Barcelona, Madri e também em Lisboa, a Albiñana Filmes instala-se em São Paulo com seus 25 anos de experiência em cinema publicitário e comunicação audiovisual. A produtora, entretanto, não quer se posicionar como simples concorrente das empresas brasileiras do setor, de reconhecida capacidade, mas sim como uma agregadora de qualidade, oferecendo várias referências e um portfólio de 20 diretores internacionais. Sua postura proporciona às agências e anunciantes do País filmar em cenários europeus de forma mais acessível. A nova sede brasileira conta com a produtora executiva Vanessa Ferreira, que após vários trabalhos na Europa volta ao Brasil para assessorar novos clientes. Sua sócia, Paola Maluf, continua baseada em Lisboa e em ligação direta com os escritórios espanhóis. A idéia é oferecer todo o apoio logístico internacional necessário para que clientes brasileiros acompanhem as filmagens nos países de locação. Elas trabalham sustentando os serviços na frase “El arte de saber comunicar es dar un paso más allá, siendo el medio audiovisual la forma más eficaz y notoria de hacer llegar el mensaje”.

on ALBIÑANA FILMES CHEGA AO BRASIL
Categorias Produtoras

PARANOID INOVA NA ÁREA DE MARKETING

Publicado em
Rita: experiência internacional

Rita Braga, experiente profissional na área de preparação de atores e produção de projetos internacionais de filmes publicitários e longas-metragens, assume como coordenadora de Marketing e Comunicação da ParanoidBR. A produtora de Heitor Dhalia, Tatiana Quintella e Egisto Betti também anuncia a chegada de Marcel Weckx e Juliana Miranda para a área de Atendimento, junto com o assistente Arthur Gomes. Com formação profissional na Austrália, Rita já atuou pela Mixer, O2 Filmes e Film Planet. Em seu trabalho no cinema dirigiu a preparação da atriz Alice Braga na maioria de seus projetos nacionais e internacionais. Também é sócia da produtora Losbragas, de Alice e do roteirista Felipe Braga. Marcel Weckx começou sua carreira na agência FabraQuinteiro, passou pela Africa e Y&R. Juliana trabalhou na Fischer & Friends  e após uma temporada no exterior passou pela Dínamo e Mixer. Arthur Gomes atuou como assistente de RTV na Nova S/B e Ogilvy e na área de produção da Margarida Filmes.

on PARANOID INOVA NA ÁREA DE MARKETING
Categorias Produtoras

VETOR ZERO LOBO ASSOCIA DIRETORES

Publicado em
Terni, Lopes e Nóbrega: sócios

A Vetor Zero Lobo associou os diretores Gabriel Nóbrega e Guto Terni, que atuam na produtora desde 2009 através de acordo operacional com o Estúdio Animatorio, que fundaram com Paulo Gustavo Santiago e Hugo Takahashi. Com isso eles deixam o Animatorio para se dedicar inteiramente aos projetos da produtora, referência no mercado de animação. Nóbrega e Terni juntam-se aos sócios Alberto Lopes, Sérgio Salles, Alceu Baptistão, Nando Cohen e Mateus de Paula Santos. “As ferramentas agora são muito mais acessíveis e aprender a fazer ficou mais fácil. Surgiram muitas empresas, de todos os tamanhos. Mas sabemos que o que nos torna especiais são os talentos que temos em nosso negócio. Por isso, estamos muito felizes e otimistas em contar de vez com Guto e Gabriel”, diz Alberto Lopes, um dos sócios da Vetor Zero Lobo. Gabriel Nóbrega é formado em música e autodidata em animação. Filho do músico e performático Antonio Nóbrega, iniciou aos 11 anos sua carreira musical, a qual manteve por 13 anos, acompanhando seu pai como baterista em shows pelo mundo. Em paralelo, mantinha sua paixão pelas artes visuais em um estúdio improvisado no quintal de casa, onde pôde experimentar diversas técnicas e realizar suas primeiras animações. Guto Terni, de 32 anos, deu seus primeiros passos no mundo da animação sem perceber. Ao estudar mecânica de precisão no SENAI, foi apresentado à tecnologia 3D, na qual é autodidata. Descobriu o gosto pela área, o que acabou determinando a escolha de sua graduação. Formado em Design Industrial pelo Mackenzie, começou a carreira como animador na Animaking. Também foi músico profissional.

on VETOR ZERO LOBO ASSOCIA DIRETORES
Categorias Produtoras

SENTIMENTAL ASSOCIA DUPLA DE DIRETORES

Publicado em
João e Pedro, a dupla 2, e Marcelo

Conhecidos no mercado como a dupla “2” de diretores de cena, João Dornelas e Pedro Pereira passam a fazer parte da sociedade da Sentimental Filmes. Eles se juntam aos sócios Maurício Guimarães, Luciano Zuffo, Marcos Araújo e Bill Quenn, fundadores da produtora. Entre as mais requisitadas do mercado, a dupla assina uma série de comerciais premiados, como “Byafra”, da Almap BBDO para Bradesco Seguros, a campanha “Pode ser”, da mesma agência para Pepsi-Cola, e outros filmes para Skol, Volkswagen e Elma Chips. “A estratégia montada e a inquestionável qualidade da dupla são os ingredientes da fórmula do sucesso. Trazê-los para o negócio da produtora é uma conseqüência desse trabalho que vem sendo realizado há três anos”, diz Marcos Araújo, diretor executivo da Sentimental. A produtora também anuncia a promoção de Marcelo Atschuler, ex-RTV da Loducca e Santa Clara, há três anos na casa, para o cargo de produtor executivo associado para os projetos publicitários.

on SENTIMENTAL ASSOCIA DUPLA DE DIRETORES
Categorias Produtoras

PLAY SE REFORMULA PELA SOBREVIVÊNCIA

Publicado em

Tula (direita) com nova equipe da Play

Talvez o maior crítico do atual sistema corporativo do segmento de produção de som publicitário, Tula Minassian apresenta ao mercado um novo formato de orçamento para suas produtoras, da original Play it Again, que completa 24 anos em abril à PlayRK30, que elabora conteúdo. Ele deixa claro que o lançamento do que chama de Casa de Produção, conceito que detalha cada orçamento e oferece opções para os compradores, visa principalmente a sobrevivência da empresa. “Hoje o mercado não entende o que está comprando e por isso luta para baixar os preços. A culpa é do próprio segmento, que não valoriza seu trabalho e apresenta um cardápio de trilhas brancas compradas a custos irrisórios, aceitando as imposições das entidades mais fortes, como a ABA e a Apro”, diz. “Eu não quero falar com o Rafael Sampaio, com a Sônia Piasse ou com a Ana Nogueira”, afirma, referindo-se aos diretores executivos contratados pela ABA, Apro e Aprosom. “Eu quero falar com o dono do negócio, quero líderes dos setores na mesa”, reclama. Desligada da Aprosom, assim como as que classifica como as outras grandes do segmento, Lua Nova e Tesis, a Play it Again travou batalha árdua com a entidade, no final do ano passado, durante episódio em que a Ambev passou a responsabilidade pela contratação de produtoras de áudio para campanhas de cerveja para sua Mesa de Compras. “Das 13 produtoras que assinaram o manifesto da Aprosom posicionando-se contra essa prática, cinco foram chamadas pela Ambev, romperam o acordo e fecharam contrato”, garante. Para Tula, a Apro, que no papel é a associação das produtoras de audiovisual, só se preocupa com a segunda parte. “Ela esquece que antes do visual vem o áudio. A verdade é que a Apro engoliu a Aprosom e faz o que quer. Não deixa a área de som nem sair na foto”, desabafa. Entre outras novidades, a Play também lança as “Trilhas Verdes”, numa contestação colorida às “Trilhas Brancas”. “Aqui estimulamos os músicos a criarem trilhas, colocamos num banco e oferecemos aos clientes que normalmente consomem as brancas. Com isso incentivamos nossos profissionais a criar, em vez de vender as Brancas cobrando por músicas que se compra sabe-se lá onde e vende-se por um valor cinco vezes maior.  Isso é agenciamento e não publicidade”, diz. Tula está especialmente animado com a PlayRK30, dirigida por Bia Ambrogi, que deve crescer com a aplicação da lei 12.485, proposta pela Ancine e que obriga as tevês por assinatura a exibirem três horas e meia diárias de conteúdo nacional. O Núcleo de Produção e Pesquisa, que visa oferecer as melhores possibilidades aos clientes, é comandado por Gabriela Ruffino e André Minassian. A Play it Again opera ainda com sedes no Rio de Janeiro e Curitiba, além da parceria com PC Bernardes em Lisboa que resultou na PlayAmics, que atende entre outros clientes as redes de supermercado Pingo Doce de Portugal e Biedronka, da Polônia, da carteira internacional da Duda Mendonça Propaganda.

 

on PLAY SE REFORMULA PELA SOBREVIVÊNCIA
Categorias Produtoras

VOLCANO HOTMIND PROCURA CRIATIVO

Publicado em
Barone e Evandro buscam novo sócio

Lançada há pouco mais de dois anos como a primeira produtora criativa do mercado publicitário brasileiro, a Volcano Hotmind procura exatamente um profissional de Criação para substituir Luiz Tastaldi, que deixou a sociedade. Ex-diretor criativo da 141 SoHo Square, Tastaldi havia apostado no formato da Volcano, voltada para o Advertainment e trabalhos colaborativos com agências e seus clientes. Enquanto não encontram novo sócio, os diretores de cena Giancarlo Barone e Luiz Evandro continuam comandando a operação e a representação brasileira da The Viral Factory, uma das mais conceituadas produtoras de virais do mundo. “Já temos cases para nos tornarmos sinônimo de advertainment no Brasil”, explicam os sócios, referindo-se ao Leilão Impossível Coca-Cola Zero, Show e DVD da dupla Fernando e Sorocaba na Ópera Arame em Curitiba e comercial para o Santos FC com Neymar dirigindo um táxi pelas ruas da cidade.

on VOLCANO HOTMIND PROCURA CRIATIVO