Categorias Eventos

CUCA PROMOVE AULAS COM TEMA LIVRE

Publicado em
Papo livre  com 27 alunos: conceito sólido e camaleônico

Inovação da Escola Cuca em seu curso de Criação Publicitária, 27 alunos tiveram um encontro de duas horas e meia nesta terça-feira (16) com Lelo Nahas, experiente profissional com mais de 25 anos de atuação em grandes agências do país.

Pela primeira vez a escola deixou a cargo do palestrante a escolha do tema. Nahas falou sobre as conexões entre as diferentes mídias e canais digitais e a criação de um conceito sólido e ao mesmo tempo camaleônico, que permita diversificar mantendo a personalidade da marca.

Lelo Nahas começou sua carreira como diretor de arte, atuando na MPM, Almap, Loducca e DM9. Na Artplan do Rio de Janeiro, iniciou sua trajetória como diretor de Criação, passando também pela McCann, Grey, Newcomm Bates, Eugenio, Fabra & Quintero e Mestiça. Entre 2014 e 2018 lecionou na Escola Panamericana de Artes, mesmo período em que atuou como diretor de Criação e Marketing do grupo Jovem Pan. Atualmente, atende o mercado através de seu Escritório de Ideias.

“A reação dos alunos da Cuca foi surpreendente, pois tratei de temas reais que exigem um tipo de criação que vai além do prêmio, uma criação comprometida com venda, impacto e construção de imagem”, diz.

Nahas, também designer gráfico, trabalhou com vários anunciantes do segmento de Varejo e se desenvolveu integrando-se com o Planejamento, Branding, Integração de Meios e Comunicação Multiplataforma.

PIXEL SHOW

Nahas: se vira e cria

No próximo dia 10 de novembro, Lelo Nahas participa em São Paulo do 14º Pixel Show, https://pixelshow.co/ evento internacional considerado o maior da América Latina dirigido à Criatividade nos segmentos de design, ilustração, street art, cinema, FX, sound design, quadrinhos, games, propaganda e artes plásticas.

Em sua palestra ele abordará a real experiência da pressão do dia-a-dia da profissão. A intenção é mostrar a realidade de como o processo criativo pode ser exaustivo e caótico quando se lida com a realidade onde não existe um briefing definido e o prazo é muito curto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *