Categorias FIAP 2018

BOSSA NOVA NO JÚRI DE PRODUÇÃO

Publicado em
Ale: criativo e diretor

A produção de imagem e áudio ganhou grande importância no novo modelo do Festival Ibero Americano de la Publicidad, evento criado em 1969 na cidade de Rosário, província de Santa Fé, Argentina. Desde o ano passado, as campanhas e peças inscritas são avaliadas sob a ótica de apenas quatro grandes áreas: Formatos, Inovação, Anúncios (incluindo além de mídia impressa, filmes, OOH, spots, webseries, etc) e Produção.

Na edição 2018 do FIAP, a ser realizada de 23 a 26 de setembro em Buenos Aires, o Brasil será representado no júri dessa área pelo diretor de cena Ale Lucas, da Bossa Nova Films. O presidente do time de jurados será o cineasta espanhol Kike Maíllo.

Entre outras atrações, o FIAP 2018, com atividades no Hotel Faena e no complexo Faena Arts Center, contará com uma palestra do polêmico empresário Martin Sorrell, fundador do grupo WPP.

O presidente e jurados (clique para ampliar)

O gaúcho Alexandre Lucas iniciou sua carreira publicitária como redator na DCS. Após um ano morando em Londres, onde fez estágio na BBH, Ale Lucas radicou-se em São Paulo, onde atuou pela Lowe, DM9, Age, Y&R e Dentsu.

Em 20 anos de carreira como criativo, conquistou importantes prêmios internacionais como 10 Leões em Cannes,  Grand Prix no New York Festivals, One Show e D&D. No ano 2000, conquistou o Grand Sol do FIAP em Gráfica com o anúncio “Hot Catchup” para Parmalat, que criou como redator com Carlos Domingos e o saudoso diretor de arte Tomás Lorente.

Em 2012 decidiu atuar como diretor de filmes. Foi contratado pela Bossa Nova e em 2015 tornou-se também sócio da produtora. Nesses seis anos, dirigiu comerciais para marcas como Itaú, Bradesco, Motorola, Nike, Ambev, Embratur, Reckitt Benckiser, Unilever, Mistusbishi, Honda, Latam, MTV Pullman e Amil, entre outras.

O presidente desse júri, Enrique (Kike) Maíllo Iznájar, nascido em Barcelona, é fundador da produtora Sábado Películas em 2011 e tem em seu currículo os longa-metragens “Eva” e “Toro”.

Formado pela Escola de Cinema e Audiovisual da Catalunha 1999, mesmo ano em que participou da produção de curta-metragens premiados na Espanha e na Alemanha.

Começou a dirigira publicidade no ano 2000, com campanhas para marcas como Freixenet, Seat, Oysho, Gas Natural e Banco Santander; este vencedor do Grand Prix no Cannes Lions International Festival. Também dirigiu clipes e séries de animação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *