Categorias Polêmica

QUEM, QUANDO E POR QUÊ?

Publicado em

McCann promove demissões em nome de reestruturação antes da chegada do novo chairman

Montoya: decisões regional e global do grupo

Na última segunda-feira (6), os diretores de Criação da WMcCann foram chamados pelo comando da agência para serem informados sobre a demissão do VP da área, Guime Davidson. Ao mesmo tempo, lhes foi pedido que tranquilizassem a equipe e que tudo continuaria normal.

Nesta sexta-feira (10), a equipe criativa da agência já não tinha mais o diretor Sergio Franco e o diretor de arte Mauro Villas-Boas, este há quase 25 anos na empresa. Franco comandava um grupo de clientes voltados ao Varejo, como Lupo, Sodimac e Ri Happy.

Em comunicado enviado ao Blog, o presidente da WMcCann, Martin Montoya, declara que: “as mudanças, coordenadas pela liderança regional e global do McCann Worldgroup, fazem parte de um plano de alinhamento da operação brasileira à estratégia global do grupo”.

Fontes da agência confirmam que as demissões não têm a ver com a chegada de Hugo Rodrigues, mas sim com a saída de Washington Olivetto.

A pergunta é, por que a agência não promoveu todas as demissões na mesma época da saída de Olivetto? Além de Guime Davidson, também foi demitida a VP de Mídia Yara Apparício, há 14 anos na McCann.

Em princípio, sabe-se que continuam na WMcCann os vice-presidentes Debora Nitta, de Planejamento, e Ricardo Andrez, de Atendimento.

Por força de contrato, Hugo Rodrigues não pode se manifestar publicamente antes de assumir oficialmente o cargo de chairman da WMcCann. Sabe-se, porém, que apesar de ser informado anteriormente de uma reestruturação, ele ainda não tem profissionais para apresentar no próximo dia 16. Desconhecia nomes dos demitidos e as datas que elas seriam sendo processadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *