Categorias Empresas

OVO TAMBÉM TEM NOME

Publicado em
Bastos e as linhas do novo cliente na tela

Embora em proporções bem mais modestas, a Granja Mantiqueira pretende repetir a estratégia que deu nome aos bois, ou melhor, à carne, batizada de Friboi em campanha de 2013 que consumiu verba de R$ 50 milhões.

Criada nos anos 80 a partir de um contingente de apenas 30 mil galinhas, a Granja, fundada sugestivamente pelo empresário Leandro Pinto, hoje é o maior produtor de ovos do Brasil e América Latina.

A missão é da agência carioca 11:21, que conquistou a conta publicitária da marca, sediada em Minas Gerais, onde mantém duas unidades produtoras, além de outra em Mato Grosso. Ela terá que transformar o atual slogan da marca “Pra família inteira, ovos Mantiqueira”, em um conceito de apelo popular, porém criativo e inteligente para seduzir também o trade.

A comunicação vai começar pelo mercado do Rio de Janeiro, onde possui maior distribuição, e focar todas as linhas do produto, dos brancos e vermelhos até das versões Gourmet, Ômega 3, Orgânicos, Do Sítio, Com Vitamina E, Selênio, Jumbo, Ovos de Codorna e até a grife infantil Galinha Pintadinha.

“Vamos fazer uma campanha criativa, engraçada, para chamar a atenção para a marca. Não se esqueça de que até há pouco tempo ninguém comprava carne pela marca”, diz Gustavo Bastos, sócio e diretor de Criação da agência, referindo-se à estratégia “Carne Confiável Tem Nome”, da Friboi.

O novo anunciante dividiu sua verba publicitária entre a 11:21 para ações off line e a Sides, para a área digital.

“Vamos trabalhar coordenados para que a comunicação tenha a mesma personalidade em todas as plataformas.  A Mantiqueira está praticamente sozinha no investimento em marca na categoria, o que para nós é um prazer e uma responsabilidade”, completa Bastos.

“Temos um grande desafio, mas também uma grande oportunidade pela frente. Fazer o marketing da Mantiqueira é muito fácil, já que o mais difícil é feito no campo pelo nosso time”, brinca a diretora de Marketing da Mantiqueira, Amanda Pinto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *